27.8.14

RED CARPET | The 66th Emmy Awards

O evento que dá às celebridades a oportunidade de usar as roupas dos desfiles de Spring/Summer de Haute Couture está de volta para mais uma edição que, pela primeira vez em 38 anos, acontece a uma Segunda-Feira. Este é o último evento importante que antecede todos aqueles que irão ocorrer de Janeiro de 2015 em diante e, como já é usual, não podia deixar de criticar aqueles que passarão na passadeira vermelha.

Taylor Schilling estava, elegantemente, esbelta vestida por Zuhair Murad - como a própria disse, a cor do vestido é uma "não-cor" que funcionou muito bem no seu tom de pele e cabelo, bem como as jóias e a mala. Não percebo o sentido de Heidi Klum ter exigido, no último episódio de Project Runway, algo inesperado, inovador e poderoso quando usou um vestido sem quaisquer desses aspetos do seu amigo jurado Zac Posen, isto é, as asas de joaninha já passaram à história se é que alguma vez chegaram a entrar. Debra Messing até que estava bem com o seu vestido geométrico e, principalmente, com a sua mala repleta de brilho.


Hayden Panettiere, sinceramente, veste-se melhor, agora, que está grávida do que quando não estava. O decote é tão inteligente pelo facto de dar verticalidade no seu aspeto tão "redondo" bem como o padrão com riscas verticais. Julie Bowen tem um estilo particular e eu pensava já me ter habituado a isso mas não consigo encarar este vestido tão antiquado da autoria de Peter Som, em todos os aspetos - decotepadrão corte à la new look barato. Apesar de ser um Carolina Herrera, o vestido de Julia Louis-Dreyfus não passa de um vestido vermelhonada inovador e sem o fator uau.


January Jones - umas das personalidade cujo estilo é apreciado por Anna Wintour - usou um vestido vermelho de Paco Rabanne volumétrico e com uma parte de trás bastante bonita. Lizzy Caplan não se quis deixar enganar e trocou a sua fatiota dos anos 50 de Masters of Sex por um vestido preto com cauda branca de ... que deixa repassar a verdadeira sensualidade de uma mulher de 32 anos através do formato das costas e da forma como contorna o corpoKerry Washington tomou a decisão arriscada de usar as cores do Halloween. Bem, na minha opinião, foi um risco que não resultou pois o Prada da atriz parece um pouco fantasioso.


Julia Roberts guardou-se para este momento. Depois de tantas passadeiras vermelhas que foram uma desilusão, a atriz aprece num Elie Saab com uma textura quase escultural que ressalta o corpo jovem que a Julia, de 45 anos, têm. A cabelo ainda lhe dá um toque mais jovialKatherine Heigl empenhou-se em tentar refletir a radiação solar e, na verdade, conseguiu até porque faz doer os olhos de olhar para ela. Tenho de concordar, Sofia Vergara chegou portanto o evento pode continuar. A atriz espalhou sensualidade e elegância com o seu sublime Armani branco com um alinhamento prateado e com os seus lábios pintados de um vermelho da Cover Girl.



Image Map

4 comentários :

  1. Já respondi *as tuas perguntas: http://arcoirisnumbatom.blogspot.pt/2014/09/tag-liebster-award.html :)

    ResponderEliminar
  2. Gostei bastante das tuas opiniões :) Confesso que não ligo nada há passadeira vermelha, mas ás vezes gosto de espreitar os vestidos :) e o teu post ajudou-me imenso .. Beijinho*
    http://entrebatonsepinceis.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Obrigada pelo seu comentário e por visitar o Edição de Setembro.